Quem tem mais chances de ser feliz: os heterossexuais, os bissexuais, os homossexuais, os assexuais … ?

Giuliano: Ótima pergunta ainda mais numa época na humanidade onde vivemos uma sociedade bem sexualiazada e isso por motivos capitalistas puramente comerciais. As empresas precisam causar sensações nos consumidores para poderem se conectar com eles e vender seus produtos, não é a toa que vemos propagandas de comida, de produtos de higiene e até de férias com apelo sexual.

Às vezes me pergunto se fizéssemos um teste com alguma comunidade que vive isolada na Terra sem contatos com a mídia e a colocássemos também exposta a propagandas, programas de tv e tudo o mais com apelo sexual quais seriam os impactos nessa comunidade. Eu apostaria em alguns resultados: mais rupturas de relacionamentos, mais ociosidade, menor período de infância, iniciação sexual precoce, para mencionar apenas alguns resultados… E não que os meios de comunicação são ruins para a sociedade, pelo contrário, mas atualmente a dosagem do apelo sexual tem sido exacerbada.

Por que falar sobre isso antes de responder a pergunta?  Porque a ênfase sexual atual é tão forte que até chegamos a acreditar que a preferência sexual de um indivíduo pode ser fator determinante para sua felicidade ou infelicidade!

Se heterossexualidade fosse sinônimo de felicidade, viveríamos num mundo mais feliz, e assim por diante. Felicidade tem muito mais a ver com a relação do individuo consigo mesmo, com seus próprios pensamentos, desejos, impulsos, sonhos, talentos e assim por diante. Uma pessoa que se ama, que se respeita, que se valoriza e busca se compreender mais, ou seja, alguém com um relacionamento sólido, duradouro, estável e em paz consigo mesmo, é uma pessoa com muito mais chances de ser feliz independente de suas preferências sexuais, cor de cabelo, cor de pele e etc.

A vida não é mais fácil nem mais difícil baseada em fatores externos, quem faz da vida mais fácil ou mais difícil é a qualidade da relação de um individuo com ele mesmo. Duas pessoas em condições semelhantes de vida e preferências podem ser uma feliz e outra infeliz, comprovando que condições e preferências não são determinantes para a felicidade e plenitude.

Se ser feliz é o que você busca, então foque sua energia e esforço em melhorar a sua relação consigo mesmo, com seus pensamentos, sentimentos, sonhos, ou seja, com tudo que é você. O seu amor e aceitação por si mesmo são o combustível para uma vida plena e feliz.

Ainda sem comentários.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: